Cachorros e as suas confissões de crimes.

Nem todos os cachorros aprontam. Mas quando eles fazem, fazem bem feito!

Selecionamos aqui algumas “confissões” (e seus cúmplices) para vocês darem bastante risada!

“Eu faço xixi na cabeça do meu irmão…”

“… Eu deixo.”

 

“Eu sentei no meu irmão e quebrei ele.”

 

“Eu gosto de passar por cima do cachorro grande com o meu carrinho”

 

“Eu fiz xixi no ventilador ligado!”

 

“Eu como tudo”

 

“Eu lambo o sofá… Muito…”

 

“Eu fiz xixi nos presentes de Natal. Feliz Natal!”

 

“Eu como cocô de coelho!”

 

“Eu entro escondido na casa dos nossos vizinhos budistas e como as comidas oferecidas para o Buda.”

 

“Quando eu estou na cama da mamãe e do papai, eu mordo os caroços embaixo do cobertor. Às vezes é uma mão. Às vezes é um testículo.”

 

“Eu comi duas Bíblias nessa última semana”

 

“Eu roubo as meias”

“E eu como elas”

 

“Eu faço cocô no tapete da mamãe e depois fico latindo para ele como se outra pessoa tivesse feito aquilo…”

 

“Eu faço cocô em quartos escuros…”

“… e eu como as evidências =(“

 

“Eu espirro na sua boca aberta quando você está bocejando”

 

“Eu fiz xixi na perna de uma menininha no parque :(“

 

“Eu enfio a cabeça pela cortina do box e lambo o bumbum das pessoas quando elas não estão olhando.”

 

“Eu só mastigo os sapatos esquerdos.”

 

“Yoda eu matei. A força estava comigo. Dublin.”

 

“Eu monto nesse gato.”

 

“Eu dei boas vindas ao porco espinho na sua nova casa tentando comê-la. Minha mãe passou uma hora tirando espinhos de mim =(“

“Eu persigo o cachorro pela casa porque ele tem medo de mim agora. KKKK”

 

“Eu fiz cocô na saída do aquecedor central, agora a casa toda está cheirando a cocô!”

 

“Mora em um apartamento grande. Dorme em uma caixa de guitarra. Tank”

 

“Essa é o meu gráfico de crescimento!”

 

“Eu solto pum tão alto que me acordo :(“

 

“Eu comi uma caixa inteira de giz colorido e fiz cocô de arco-íris”

“Eu comi os arco-íris”

 

“Minhas encaradas sem fim fazem as visitas se sentirem desconfortáveis. Meus puns também.”

 

“Eu como meias.”

“Eu providencio as meias”

 

“Eu não imploro por comida, eu simplesmente espirro nela e torço pelo melhor. Gus”

 

Comente

Comente

Your email address will not be published.

Siga nosso Instagram



A Enciclopédia Animal!